logo_nova_mulher-p.png

Climatério e Menopausa

“Será que estou envelhecendo? Esses sintomas são assustadores! Calor em tempo integral, choro por qualquer motivo, parece que estou constantemente de TPM!”

Pois é, essa é uma brilhante definição para essa fase de nossas vidas, denominada Climatério: Assustadora! Por quê? Porque, assim como foi lá atrás, na adolescência, seu corpo está se transformando e iniciando um ciclo de término, de fechamento – término da fertilidade.

Mas, diferentemente da adolescência, quando percebemos claras mudanças físicas, agora essas mudanças são principalmente hormonais, e se refletem em sintomas, que podem ser angustiantes e de difícil controle: calores recorrentes e intensos (“tem um vulcão na minha cabeça”), irritabilidade, tristeza e para piorar, pode ocorrer uma irregularidade menstrual muito importante.

 

Aproximadamente 45% das mulheres nessa fase vão perceber essa irritabilidade, alterações de concentração e memória, perda de autoestima...

Assim, para que você consiga vivenciar esse período de uma forma mais leve e menos angustiante, agende uma consulta com quem poderá lhe orientar e cuidar: sua ginecologista.

E será que tudo isso vai durar muito?

Como vou suportar?

Primeiramente vamos entender que todo esse processo é natural, faz parte das fases biológicas das mulheres, não é uma doença.

O período de ocorrência e duração é variável e individual, o que aconteceu com sua mãe ou está acontecendo com sua prima, não necessariamente ocorrerá com você, e segue até que tenhamos a Menopausa, marco do último ciclo menstrual da mulher (assim como a primeira menstruação é também um marco, e a chamamos de Menarca).

Se levarmos em consideração que a Menopausa ocorre ao redor dos 50 anos de idade e que a expectativa de vida da mulher brasileira atualmente é de 78,5 anos (IBGE), concluímos que poderemos passar 1/3 de nossas vidas nesse período de Climatério e Pós Menopausa.

Por isso, você deve lembrar e apreciar o autocuidado.

 

Consulte uma ginecologista para juntas encontrarem os melhores meios de passar por essa fase.

Reposição hormonal é possível? E os riscos de câncer?

E os tratamentos não hormonais? E a estética, como fica?

Sim, podemos pensar em tratamentos seguros e eficazes para os sintomas trazidos pela menopausa. Se medicamentoso ou não, se hormonal ou não, a melhor forma de escolha e decisão é após a consulta ginecológica, com uma conversa minuciosa e avaliação de exames complementares, se necessários.

Sei que seu corpo mudou e que muitas dessas mudanças já não agradam, mas elas podem ser minimizadas, atenuadas, tratadas.

Pode-se sim ter uma vida feliz e saudável durante o climatério e Menopausa. Vá à ginecologista, siga instruções adequadas. 

Matérias relacionadas

logo-rodape-p.png

Rua do Bosque, 1621 - Ed. Palatino Cj 101 - Barra Funda - São Paulo CEP 01136-001

Contatos

11   3392-4208

Manda um Whats!
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube

© 2020 por Nova Mulher Clínica - Desenvolvimento Obla Digital