logo_nova_mulher-p.png

Melhor Idade

Envelheci. Sou chamada de idosa, isso soa tão pesado!”

Chegar aos 60 anos de idade nos dá uma nova classificação: Terceira Idade, Idosos, “Melhor Idade”. São classificações diferentes? Não, conceitualmente a mesma coisa, o que muda é como olhamos para essa definição, como a aceitamos.

Parece realmente pesado ser chamada de idosa mas, se analisarmos os atuais estudos demográficos, em 2030 teremos mais indivíduos acima dos 60 anos do que até os 14 anos de idade. E, ainda mais, em  2050 a população acima dos 60 anos será o dobro da de adultos jovens.  Isso significa que estamos envelhecendo mais e de forma mais saudável.

Portanto, cuidar do corpo é fundamental. Visitar o médico também, consulte a médica que sempre esteve ao seu lado, sua ginecologista.

A minha cabeça e o meu corpo não estão no mesmo compasso!

Ser classificada como Idosa não é apenas uma convenção mas sim um marco para olharmos com mais atenção para o físico, pois ele pode começar a precisar de “reparos”. E a cabeça da gente às vezes não compreende isso. Como assim? Por exemplo:

Tenho vontade de pular corda com meu neto, tento fazê-lo mas meu corpo não tem mais a mesma agilidade.

Tenho desejos, quero ter relação sexual, mas minha vagina não responde mais da mesma forma, às vezes até dói. Desisto.

São mudanças difíceis de encarar, mas passíveis de serem ajustadas e aceitas. Sem sofrimentos.

Existem meios, que podem ser até apenas uma orientação verbal assertiva e acertada , que tudo muda. Converse com sua ginecologista.

Envelhecer requer cuidados especiais então?

Vamos pensar em envelhecer não como um peso sobre os ombros mas sim como aspectos positivos das experiências da vida.

É preciso conhecer esse novo corpo, entender as mudanças que ocorreram e adequá-las à vida atual.

Posso namorar? Sim, pode , e deve, pois é saudável e continua sendo prazeroso. Apenas alguns ajustes, orientadas pela sua ginecologista e tudo será mais fácil.

Posso viajar, correr, nadar? Sim, claro, observando uma alimentação saudável e supervisão adequada dos exercícios. O que não é diferentes do que viveu até aqui, certo?

Estar na melhor idade é ter a liberdade que vai além do  envelhecimento, é olhar para o próprio corpo, para aquela que vemos no espelho e reconhecer ali a mulher madura e linda que se tornou.

Matérias relacionadas

logo-rodape-p.png

Rua do Bosque, 1621 - Ed. Palatino Cj 101 - Barra Funda - São Paulo CEP 01136-001

Contatos

11   3392-4208

Manda um Whats!
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube

© 2020 por Nova Mulher Clínica - Desenvolvimento Obla Digital